Quando saber qual é a hora certa de ir ao oftalmologista?

O médico oftalmologista, conhecido popularmente como oculista, é o médico responsável por avaliar e tratar doenças relacionadas à visão, as quais envolvem os olhos e seus anexos, como o canal lacrimal e as pálpebras.
Algumas das doenças mais tratadas pelo oftalmologista são a miopia, astigmatismo, hipermetropia, estrabismo, catarata e glaucoma.
O oftalmologista realiza consultas que podem ser particulares, através de planos de saúde, ou através do SUS, nas quais o exame oftalmológico e testes de visão são feitos, além de poderem ser orientados exames, uso de óculos e medicamentos para tratar a visão. Confira a seguir qual é a hora ideal para consultar um médico oftalmologista.

Quando saber qual é a hora certa de ir ao dentista?

Como saber qual é a hora certa de ir ao oftalmologista
Um oftalmologista deve ser procurado sempre em que houver qualquer tipo de alteração na capacidade visual ou sintomas de algum problema nos olhos. Entretanto, mesmo sem nenhum sintoma é importante que exista um acompanhamento regular, para uma possível identificação e tratamento precoces de alterações que podem surgir na visão ao longo da vida.

Saiba quando procurar um oftalmologia quando se trata de:

 

Crianças
O primeiro teste da visão das crianças é o chamado teste do olhinho, que pode ser feito pelo pediatra para detectar precocemente possíveis doenças de visão no bebê, como catarata congênita, tumor, glaucoma ou estrabismo e, se forem detectadas alguma dessas alterações, ou mais de uma delas, é imprescindível o início imediato do acompanhamento oftalmológico.
Contudo, caso não existe nenhuma alteração no teste do olhinho, a primeira visita ao oftalmologista deve ser realizada entre os três e quatro anos de idade, momento em que é possível examinar de uma melhor forma os olhos da criança e que ela pode expressar mais claramente suas possíveis dificuldades visuais.
Adolescentes
Na fase da adolescência, o sistema visual se desenvolve rapidamente, fazendo com que alterações como miopia e ceratocone possam aparecer. Por isso, são necessários exames regulares da visão cerca de uma vez ao ano, ou sempre que alterações e dificuldades visuais se manifestem.
Adultos
A partir dos 20 anos em diante, é possível que doenças que comprometem a retina se manifestem, que podem ser desencadeadas por problemas circulatórios ou degenerativos, principalmente se a pessoa possuir hábitos pouco saudáveis, como tabagismo e tratamento irregular de doenças como diabetes e pressão alta.
Idosos
Após os 50 anos e, principalmente, após os 60, é possível que as condições visuais piorem, e podem surgir alterações degenerativas nos olhos, como catarata e degeneração macular, que devem ser tratadas corretamente para evitar a cegueira.
Considerando todos esses fatores, se eles se fizerem presentes, é a hora de procurar um oftalmologista!
descontos-em-planos-de-saude-em-campinas